terça-feira, 24 de agosto de 2010

Capitulo 1: pagina 4

Chegando ao banheiro, Sean nao pode conter sua vontade de parecer charmoso, mesmo em situaçoes que nao tinha necessidade alguma, como aquela, era algo involuntario, algo de sua natureza. Era o seu maior prazer, sabia que era bonito, charmoso e que atraia a atençao das pessoas, mulheres em geral, as mulheres bonitas principalmente, é como dizem, 'beleza atrai beleza'.

Filho de um americano legitimo de Ohio e uma brasileira, era irresistivel no jeito de ser, tinha cabelos claros num loiro dourado, e quando dançava nas festas, era como Axl Rose.
Inclinou-se e apoiou-se em um dos lado da porta usando o ante-braço.
- Eu vou viajar em breve.
- Ham...e agora voce quer que eu me jogue nos seus braços e peça pra que fique nao é? - respondeu Monica indiferente, tentando nao olhar diretamente para seus olhos.
- Só queria dizer. Alguns sabem que pretendo viajar, mais nao falei muito a respeito, nem pra onde nem como e quando, ou se volto, essas coisas. - disse com um nó na garganta.
- Sério?! E? - respondeu meio ironica. - Que coisa..
- É, hum, eu achei que deveriamos nos despedir.
- Ah entao tchau.
Era de se esperar depois de tanto que se passou que tia Monica o tratasse de forma fria, ela bem que tentava ser um pouco gentil, mais sempre que Sean se aproximava ela sentia que seu corpo nao existia, nada funcionada e tudo virava caos, e tudo virava paz, e tudo era pertubaçao quando Sean estava perto, fosse o que fosse. Era sempre assim, e ela gostava de certa forma, e odiava gostar disso.

- Voce me entendeu.
- Nao seja tao incoveniente!
- Nao estou sendo.
- Voce esta com a Brisa agora! - disse baixo, mais alto o suficiente pra que Sean entendesse, e quase se abalando por tudo aquilo.
- É de voce que eu gosto. - afirmou pesaroso, estava chateado pela reaçao que Monica demostrava e queria acabar logo com aquilo.
- Me da licença.
- Nao.
- Tira esse braço dai eu quero passar. - insistiu.
Empurrando-o com toda sua força, tia Monica nao pode mover muito para tras aquele jovem loiro de quase 1,80, de cabelos bagunçados pela vida que levava, cheia de confusoes, madrugadas alegres de festas divertidissimas, de aventuras, e todas as coisas que um cara simpatico e querido por muitos podia receber. Sean era sempre convidado, mais as vezes até que gostava de ser penetra, achava divertido, e até demais pra ser franca, talvez um esporte.
Os dois ficaram ali parados, se olhavam firmemente, por segundos que passaram vagarosamente, tao devagar que parecia que o tempo tinha se quebrado justo naquele instante. Sem piscar ou demonstrar alguma reaçao Sean e Monica ficaram ali, esperando.
Esperando talvez o destino resolver o que aocnteceria naquele momento, o que seria dali pra frente. Como o destino demorou Sean tomou o controle das coisas, e na tentativa de um beijo daquela que ele disse amar mesmo estando com outra Sean ouviu em alto e bom som um "nao". No seu fracasso, levou de bonus um tapa e deixou em Monica um machucado um pouco mais fundo.



*bem voces sabem quem é axl rose nao? bom, do mesmo jeito eles (Sean e Axl) nao tem nada de muito parecido além do fisico.
*prox post em breve! mais do que voce espera, de verdade :} espero que tenham gostado.




- Estou concorrendo, me ajudem, votem :}
Obrigada.

6 comentários:

  1. tem selinhoo pra vc

    bjsss


    avidademalu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Li o post e fui votar em seu blog!
    Bjoo!!

    ResponderExcluir
  3. uhul :3 sem palavras em japones dessa vez porque o concurso eh nacional >o
    boa sorte :3 nao se preocupe, eu vou votar 30 vezes por dia :3
    bom, agora vamos ver, quanto ao capitulo...
    afinal, porque todos os hippies se embebedam, se drogam, fumam uns aos outros e 5 min depois estao conversando livremente sobre paixões :3 deveria considerar perguntar isso a alguem que foi a woodstock..e voltou inteiro...ok, ja desisti de encontrar alguem.
    quanto ao capitulo está legal :3 você deveria escrever mais! porque parece mais que você tá escrevendo novela semanal, de modo que sempre acaba no meio :3
    isso é tudo, pessoal :3 mas nao se esqueça, nao me mate amanha :3
    olhe pelo lado legal :3 sua escrita melhorou agora que voce começou a ler. quem sabe isso efetivamente se torne um livro e faça de voce super famosa :3 so peço que se lembre de mim quando virar a nova J.K Rowling. (sim, J.K. Rowling, pq stephanie meyer nao poder ser chamada de nada senao herege! >o flo msm! :3)
    bjs geh :3 ate o proximo cap

    ResponderExcluir
  4. Adorei a história, adorei o blog, adorei TUDO simplesmente tudo ! ja estou seguindo aqui, beijos:*

    ResponderExcluir
  5. Está cada vez mais envolvente!
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Droga! Perdi o anterior =/
    INdo ler :)

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita.
- quero saber o que pensa a respeito -
Por favor leia antes de comentar.